Editora Intrínseca, Resenhas
[Resenha] Lua Azul
01.fev.2011

gsTítulo: Lua Azul – Os Imortais #2 Título original: Blue Moon Autor: Alyson Noel Ano: 2010 Editora: Intrínseca Número de páginas: 256

Clique aqui para ler a Resenha de Para Sempre.

O segundo livro da série Os Imortais, Ever está tentando aprender todos os poderes com o Damon e a controlar os que já tinha. Ela nunca esteve tão apaixonada e tão feliz, e com isso consegue se distrair  facilmente – e também a Damon.

Ever nota que Damon não está ‘normal’. Como é possível que um imortal fique suado? Como é possível que um Imortal fique doente? Damon começa a perder seus poderes, o que deixa Ever completamente assustada.  Com a chegada do novo aluno Roman e outros acontecimenstos sinistros, pouco a pouco Damon e os amigos Heaven e Miles se afastam de Ever, deixando – a completamente solitária. Agora ela tem que correr contra o tempo para descobrir o que está acontecendo e tentar salvar Damon da morte que se aproxima e o abraça cada vez mais.

Vou falar que eu não gostei muito desse livro não. Fiquei irritada com o ciúme estúpido e a lerdeza da Ever pra descobrir tudo. Ela confia nas pessoas erradas, não consegue ligar as ações. Por outro lado, esse livro mostra algumas passagens em Summerland, que pra mim é um lugar mega legal e tem algumas explicações para questões que ficaram sem resposta em Para Sempre, como o elixir que eles bebem e como matar um imortal, que no primeiro livro a Ever descobriu por sorte (ou instinto). Todas as cenas em que o Damon volta ao passado e mostra a Ever como ela era e como vivia nos séculos passados, como se conheciam e como Ever morria, são um ponto a favor. Rir dos pensamentos da Ever nesse momento. O livro segue a mesma linha mística do primeiro e deve continuar assim por toda a série, já que sempre uma determinada ação puxa outra. É um dos pontos positivos do livro.

Já tinham me falado que lendo Lua Azul, eu iria sentir falta de Para Sempre. Claro, você quase não ver romantismo nesse livro. As poucas cenas que aparecem a Ever e o Damon são bonitas. O foco está muito na Ever. E sinceramente, a autora deu voltas e voltas para chegar a… nada. Ficou ruim na minha opinião. Senti falta da Riley com a sua alegria e sarcasmo de uma pré-adolescente. Foi um completo teste de paciência.

Quando eu terminei o livro, quase não acreditei. Fiquei: “Como assim acabou??! Cadê as respostas para as minhas perguntas?!” É, agora só lendo Terra de Sombras para sanar algumas delas. 😉

4 Comentários

  1. Babi disse:

    Eu li esse livro e gostei bastante, mas o primeiro foi melhor.

    Beijinhos

  2. Laís disse:

    Eu li só Para Sempre, gostei bastante, mas minha amiga nem conseguiu terminar de ler Lua Azul por achar muito chato. Eu ainda vou ler, mesmo assim! hahaha

    Ah, e sim! Eu aceito a parceria! Vou te linkar lá no meu blog ^^

    Beijos ;*

  3. oh florzinha que pena gostaria muito que me seguisse, mas respeito sua vontade. e claro que quero fazer parceria sim
    ja levei seu banner, pega o meu que esta no final da pagina do blog
    http://www.amorimortall.blogspot.com
    beijos

  4. Comprei ele e já li. tenho que dizer que não gostei muito tambem, fui tanto na expectativa achando que seria tão bom quanto o primeiro, que me desgastei lendo ele.
    Também senti muita falta da Riley, que nos provoca bastante risos com suas brincadeiras, e senti uma profunda raiva com o final IAUHSUIAHSUIHAUISHAIUS muito tenso.
    louca pra ler o próximo 🙂

Todos os comentários passam por aprovação, antes de aparecerem aqui! Vamos ler e responder todo mundo com muito carinho!

Nome: Email: Website:
Protected by WP Anti Spam

Assista aos Vídeos
Equalize da Leitura © 2010 - 2016 ♥ Todos os direitos reservados
Tema desenvolvido por Débora M.