Editora Galera Record, Filmes Baseados em Livros, Resenhas
gsTítulo: Footloose Título original: Footloose Autor: Rudy Josephs Ano: 2011 Editora: Galera Record Número de páginas: 240

Baseado no roteiro de Dean Pitchford e Craig Brewer, Footloose nos conta a história de Ren McCormack, um jovem de 17 anos que se muda de Bostom para Momont depois da morte da mãe. Porém, ele não esperava que nessa nova cidade tivesse leis tão rígidas e antiquadas, e uma delas afetava diretamente a ele que era uma apaixonado por música: não se pode dançar na cidade depois do acidente que matou 5 jovens que voltavam de uma festa. Ren então começa a fazer de tudo para que as pessoas entendam quão ridículo é isso. E as pessoas da cidade obedecem. Enquanto ele vai à luta para revogar tal lei, tenta ao mesmo tempo conquistar o coração de Ariel, a jovem filha do reverendo Shaw, e que deveria, no mínimo, está dando exemplos e não passando por cimas das leis que o próprio pai ajudou a acatar.

Meu nome é Ren McCormack – anunciou ele, com a voz clara, mas trêmula. – E quero fazer uma moção, em nome da maior parte da turma de veteranos da Bomont High School, para que…a lei contra dança em público dentro dos limites de Bomont seja abolida.

Podem me chamar de atrasada na vida, mas eu nunca tinha ouvido falar desse filme. E até receber o livro eu não sabia que ele era baseado e nem que já tinha um remake do mesmo. O livro tem uma leitura leve e fácil, tanto que em 4 horas eu terminei de lê – lo. A verdade é que livros que tem música ou dança no meio sempre vão atrair a minha atenção por que eu gosto de ver como os autores se saem descrevendo determinadas cenas. Em algumas situações no livro, era como se eu estivesse flutuando e dançando junto com os personagens. Dançando bem, ora essa! E essa profundidade e sentimentalismo que as músicas tem o poder de trazer é bem demonstrada no livro.

Contudo, foi um livro com uma história que eu achei morna, talvez por que o autor não pode se aprofundar tanto quanto gostaria na história, já que não poderia alterar muita coisa do filme com as suas palavras. Tem toda aquela lição de amor, superação, desafio, conquistas e tal e essa parte é bem legal, mas eu senti falta de personagens mais bem desenvolvidos. O Ren é uma gracinha, muito fofo, um ótimo garoto. Mas falta aquele ‘tchan’ de personagem principal. A Ariel ficou um tanto confusa pra mim, já que não desenvolveram tão bem a personalidade dela, então uma hora ela está quietinha e na outra ela está dançando, requebrando, sendo a adolescente rebelde que o pai nunca quis. O livro sem mantém em linha reta até o final, não tem nenhum pico que faça você ficar ansiosa para saber o que vai acontecer. Com certeza deve ser um livro em que vale muito a pena ver o filme quando acabar a leitura.

A diagramação é a básica mesmo, mas não encontrei erros de ortografia, apenas um de digitação.

Apesar de não ter assistido o filme, eu procurei no Youtube pelo trailler das duas versões e creio que o remake ficou bem próximo do original de 1984.

0 Comentários

Todos os comentários passam por aprovação, antes de aparecerem aqui! Vamos ler e responder todo mundo com muito carinho!

Nome: Email: Website:
Protected by WP Anti Spam

Assista aos Vídeos
[wonderplugin_carousel id="2"]
Equalize da Leitura © 2010 - 2016 ♥ Todos os direitos reservados
Tema desenvolvido por Débora M.