outubro 04, 2012Relatos de Uma Blogueira

[Relatos de Uma Blogueira] A culpa não é minha! São dos livros que me fazem chorar!

2 Comentários

Há duas semanas atrás eu recebi um livro que eu estava alucinada para ler. Tinha vários comentários entorno e mesmo com a política de deixar o frenesi passar para ler depois e não ser contaminada com as informações que leio pelas redes sociais, passei na frente da fila de espera e li.
Por quê alguém escreve algo tão singular e precioso, a ponto de tirar lágrimas dos seus olhos? Como se dar essa relação com a história, que em um momento você é apenas… você mesmo e no outro é alguém que se emocionou tanto que seus sentimentos são expostos em qualquer lugar que esteja? Na ônibus, em casa, no shopping, na faculdade, no jardim, no banheiro… E eu não digo que são lágrimas apenas de emoção por ter lido algo realmente belo. Eu já chorei diversas vezes de frustração com a história. Queria que o autor aparatasse na minha frente para eu exigir explicações.
Eu confesso que não sou de chorar com livros não. Na verdade, eu me esforço para que isso não aconteça. Mas simplesmente não tem jeito: quando for para chorar, isso vai acontecer. Você perde controle das suas vias lacrimais e quando menos espera está fungando e buscando o ar como se algo muito mais sério tivesse acontecido… Mas pode ser muito sério, dependendo do ponto de vista.
Posso parecer malévica nesse momento, mas eu AMO ver alguém chorando enquanto lê um livro. Caso clássico: minha irmã. Gente, sério! Eu nunca vi um ser um humano para ficar tão emotivo lendo um livro. E como eu sou bem legal, sempre dou aquele livro que eu sei que vai abalar o psicológico emocional dela. Não que eu seja ruim de tudo. 
Eu: – Hemana, leia esse livro! É maravilhoso!! *estendo meu box lindo de Jogos Vorazes pra ela*
Ela: – Esse eu não quero.
Eu: – Mas por quê? *chateada*
Ela: – Porque eu tenho que estudar e se eu ler um vou querer ler todos e não tenho tempo.

Tudo bem, ela tem um ponto. E Jogos Vorazes não iria fazê – la chorar tanto quanto…

Eu: – Rimã, você PRECISA ler esse livro *estendo A Culpa é das Estrelas* Eu terminei agora, chorei e chorei e chorei e você precisa ler. Vai adorar.
Ela: *me olhando desconfiada e de lado* – Você só está me dando esse livro pra ler por que sabe que eu vou chorar, né?
Eu: – CLAAARO que não! *cara de ofendida* É por que a história é linda. E também por que eu quero vê – la chorar. Você merece às vezes. E é apenas um! *carinha de esperta*
Ela leu. E ela chorou. Ela soluçou. Ela chorou muito. Ela chorou demais. E eu estava ao lado, vendo tudo e tentando de todas as formas tirar uma foto decente para mostrar aqui neste post. E foi desse dia que me veio inspiração para escrever esse texto.

Ela se escondedo bem na hora que eu pegaria a cara inchada #chateada
Tem vários tipos de choros literários*:
De emoção: a história do livro é tão singular que quando você menos espera, nem percebe e já está chorando. Exemplo: Amante Eterno da J.R Ward
Envergonhado: aquele livro que você chorou lendo e todo mundo sabe disso, mas se te perguntarem, você nega até a morte. Exemplo: Crepúsculo da Stephenie Meyer
– Incompleto: você leu e leu o livro, ficou esperando por algo melhor e mais elaborado. Com certeza roubaram 20 páginas do seu livro e a história não está completa. Exemplo: Shadow Heir da Richelle Mead
– Indignado: Você não acredita que o livro terminou assim! Exemplo: Sou Louco Por Você do Federico Moccia
– Risos histéricos: aquele livro que você joga a cabeça pra trás com as maluquices dos personagens. Exemplo: Freud me Tira Dessa! da Laura Conrado

Por favor, não acaba!: você já está ressecado de tanto chorar, mal consegue segurar o livro nas mãos e mesmo assim não quer que ele acabe de jeito nenhum. Exemplo: Marley & Eu do John Grogan

Como você fez isso?: aquele livro que tinha tudo pra ser maravilhoso, encantado e suas lágrimas seriam uma honra… se o autor não tivesse feito meleca no final. Exemplo: A Esperança da Suzanne Collins

Maldição: você detestou todo o livro, mas quando chega nas últimas 5 páginas escorrem lágrimas dos seus olhos. Exemplo: O Resgate do Tigre da Collen Houck

O que eu quero dizer é que independente do livro, da história, do autor: em algum momento você vai chorar em um livro. E por qualquer motivo já que vai depender da sua relação com a história que está lendo. Eu gosto de dizer que essa sintonia que sentimos quando lemos é algo particular, que ora é compartilhado sem permissão, ora sem que você perceba. Mas… se alguém ver você chorando na leitura de um livro, como você acha que será a reação dela? Eu nunca encontrei ninguém chorando enquanto li uma livro, infelizmente. Mas caso acontecesse, essa pessoa seria obrigada a me falar qual livro está lendo. Ele com certeza tem algo especial. Algo que só você consegue perceber. Algo tão intímo que chega a ser uma invasão. Mas que ao mesmo tempo é tão lindo ver que palavras podem te emocionar a tal ponto.

Porém, há lágrimas que só os livros conseguem nos proporcionar.

Quais foram os livros que emocionaram vocês?

* São todos exemplos de livros que eu li e acho que se encaixam na categoria.

Sobre o Autor:

Raphaela. Futura Publicitária apaixonada por livros, que deseja ler todos os livros do mundo. Como sei que não é humanamente possível, vou lendo os que estão ao meu alcance. :} 

Estudante, aspirante a escritora, romântica declarada, compulsiva por livros. Blogueira, resenhista, universitária, apaixonada por bons livros e amante de bons personagens.

posts relacionados

Deixe seu comentário

2 Comentários

  • Ana Alves
    21 janeiro, 2014

    Eu sou como você, Rafa. Quase não choro, porque eu me emociono mas não a esse ponto. Chorei com Harry Potter, A Culpa é das Estrelas, e tem outros que não lembro.
    Mas é bom isso…
    Beijos e até mais,
    Ana.
    http://umlivroenadamais.blogspot.com.br/

  • Laisy
    08 novembro, 2012

    Oi linda! Como sempre, ótimo post! Eu lembro de ter chorado liiiiitros e mais livros lendo Paixão da Lauren Kate. Pq gente… É muita dor que o Daniel sente. Também chorei litros com Apaixonados, tbm da Lauren Kate. O Daniel tem uma coisa que me emociona muito. É muito amor dentro de uma pessoa só. Não tem como não chorar. Tbm chorei muito lendo A Profecia de Hedhen. Esse livro me tocou de tal forma, que o meu coração ficava apertado. E não é no simples modo de dizer… Dava aquele aperto mesmo… Um sentimento indescritível. Tbm chorei litros com o Beijada por um Anjo 1. Deus! Que tristeza a morte do Tristan. Putz.. Chorei litros! E tbm sei que sofrerei deste mal de chorar pelo fim de duas séries que eu mais amo na vida: Fallen e Hush Hush. Acabei de comprar Extase e já estou com o coração apertado. Além de estar adiando ao máximo ler o último livro da série Hush Hush. Pq só de pensar em não ler mais nada sobre o Patch meus olhos já enchem de lágrimas. Rs
    Um beijo

    http://www.perdidasnabiblioteca.com

  • Vídeos no canal

    @equalizeleitura
    © 2019 Equalize da Leitura • equalizedaleitura.com.brDesenvolvido com por