Editora Galera Record, Resenhas
gsTítulo: Amor Contra o Tempo Título original: Hourglass Autor: Myra McEntire Ano: 2012 Editora: Galera Record Número de páginas: 386

Quando eu pedi o livro para a editora, eu estava apaixonada pela capa. Quando eu recebi o livro, fiquei um pouco bléh para a leitura. E quando eu comecei a ler eu gostei.< Depois da morte de seus pais, Emerson Cole vai morar com seu irmão e a cunhada. Ela, porém, tem alguns poderes que complicam sua vida: vê pessoas que são projeções do passado. Mas não é só isso, começa a aparecer cenas completas com essas dobras. Sem saber o que era, começou a ser medicada e vieram mais problemas: depressão e todos pensando que ela fosse louca. Mas agora que ela está em outra etapa da vida, tenta ser o mais normal possível, ignorando as aparições de pessoas que em em muitas vezes nem seus pais tinham nascido. Seu irmão, desesperado por encontrar ajuda, encontra Michael. E é assim que Emerson conhece Hourglass, uma escola para pessoas exatamente como… ela. Lá descobre como pode ajudar e entender o seu dom (sim, é um) e o sacrifícios que virá com as suas decisões e escolhas.

Então, eu gostei do livro. Mas não foi aquele gostar frenética e literalmente apaixonado. Foi apenas mais um livro que eu li. Não gosto dessa sensação, mas muitas vezes é inevitável. Acontece que eu pensei que não fosse ficar tão adolescente o livro. E sim, em parte é minha culpa já que a sinopse, capa e personagens gritam o que esperar, mas mesmo assim, eu fui contra a maré e pensei em algo um pouco mais desenvolvido (não no quesito história, mas em personagens), um pouco mais adulto. A abordagem poderia ter me conquistado mais se tivessem sido inseridos em outro contexto, por que o tema é muito rico e interessante de ser explorado. Perceber como a Emerson descobriu tudo que acontecia com ela, os personagens sendo inseridos, os vilões sendo apresentados, idas e vindas ao presente e passado…

E o que eu realmente gostei foi que a autora soube costurar direitinho o tema de viagem no tempo. Eu sou uma pessoa confusa e quando se trata de ir e voltar no tempo, eu fico perdida quando a pessoa está no presente, quando já voltou e está no futuro e voltou mas está no passado. E as dobras ficaram bem explicadinhas sem parecer chato ou algo didático. Quando começa todo o desenrolar da história – mesmo que os personagens não sejam os melhores -, foi quando eu mais consegui me entreter com a leitura…

Falando em personagens, não gostei da Emerson por que ela não tem nada que me atraia em personalidade para dizer: ‘gostei de você, eim?’. Bem chatinha, muito normal. O Michael tenta ser descolado e um garoto bacana, mas também não conseguiu me conquistar, ele só é inteligente. É aquele famoso e chato caso da menina que se apaixona pelo menino, eles lutam juntos, aparece um menino¹ querendo separar o menino e a menina, mas ele brigam, vencem os obstáculos e continuam juntos. Clichê? Nada.

Quanto a versão física do livro: eu gostei da capa, mas creio que ela não remete nada a história. E confesso, é muito estranho ler um título Amor Contra o Tempo na capa do livro e quando olha o título original não tem nada nem próximo. O livro parece uma versão pocket bem bonitinho que eu gosto muito e não tive empecilhos para ler, meus obstáculos, talvez sejam em relação a escrita da autora, que não foi a melhor que já li.

0 Comentários

Todos os comentários passam por aprovação, antes de aparecerem aqui! Vamos ler e responder todo mundo com muito carinho!

Nome: Email: Website:
Protected by WP Anti Spam

Assista aos Vídeos
[wonderplugin_carousel id="2"]
Equalize da Leitura © 2010 - 2016 ♥ Todos os direitos reservados
Tema desenvolvido por Débora M.