junho 03, 2013Sem categoria

Mês Especial com a Nora Roberts

0 Comentários

Nora é conhecida por seus romances best-sellers e a série Mortal que escreve sob o pseudônimo de J.D. Robb. Alguns amam Nora, alguns não gostam de Nora, e alguns a julgam. Eu juro que, mesmo no começo de minha jornada pelos livros dela, eu nunca entendi como alguém pega uma obra relíquia dela e não vê que há algo diferente. Mesmo que deteste, mesmo que ache que ela é a pior escritora da terra, mas eu não consigo compreender como tem gente que diz que ela escreve como qualquer outra. Não, isso não entendo.
Eu digo a vocês, ao invés, que provavelmente quem não encontrou nada de diferente no modo dela de escrever não selecionou um dos melhores trabalhos da Nora. E ela, assim como todos, tem melhores e piores obras, magníficas e algumas medianas, algumas que fazem você agarrar o livro contra o peito e outras que termina a história sentindo que poderia ter sido diferente. Isso já aconteceu comigo, fã louca, acreditem. Mas o ponto é que não importa minha opinião geral de um livro, sempre vale a pena porque a forma como a Nora escreve… Exige reações.
Aquela capacidade de fazer com que você vá dormir pensando nas cenas que presenciou, nos lugares que visitou e nos personagens que conheceu. Costumo pensar que conhecer o trabalho dela é essencial para cada pessoa que gosta de literatura. Ler Nora Roberts é como assistir aquele filme clássico que já decorou as falas e arranca de seus olhos lágrimas constrangedoras de tão comuns, é como tomar seu sorvete predileto depois de um longo tempo: quer devorar tudo de uma vez porque necessita daquilo como o próprio ar e ao mesmo tempo quer saborear bem devagar porque mesmo que coma outro, quem colocou aquele gosto conhecido e mágico na sua boca foi o primeiro; e nada é como ler pela primeira vez.
Ler Nora Roberts é tocar as nuvens com os pés fincados no chão, é sentir o mundo mais importante girar e mudar de lugar enquanto ninguém percebe: o seu mundo interior, e amar o mais intensamente que pode por um período de tempo ilógico aquele pedacinho de realidade que não existe.
Confiram o cronograma do Mês Especial no blog, pois durante três semanas estarei apresentando uma trilogia da autora.

Semana 1
3/6: Trilogia da Gratidão
6/6: Trilogia da Fraternidade

Semana 2
10/6: Trilogia da Magia
13/6: Trilogia do Sonho

Semana 3
17/6: Trilogia do Círculo
20/6: Os O’Hurley

Semana 4
Surpresa

Até amanhã!

posts relacionados

Deixe seu comentário

Vídeos no canal

@araphadoequalize
© 2020 Equalize da Leitura • equalizedaleitura.com.brDesenvolvido com por